"Se de alguma coisa poderíamos ficar certos, é que jamais a águia de rapina a qual simboliza o império, voltará se colocar sobre essas colunas, que tornaram-se em um monumento daquilo eu foi o império no nosso país e daquilo que acontecerá, mais tarde ou mais cedo, no seu afã de escravizar o mundo."

Discurso proferido no ato de acolhida a tripulação do navio mercante " Hermann ", efetuado no monumento ao "Maine", feito na Cidade de Havana, 1 de fevereiro de 1990